Automação para redução do Backoffice de Agente de Investimentos

Publicado por trademachine em setembro 9, 2019

Existe, atualmente, uma grande procura por carteiras recomendadas, ofertadas pelo Agente de Investimentos, pelas Corretoras e Casas de Análise.

Com a queda de juros e baixa inflação, os investidores brasileiros têm migrado para operações de investimento em renda variável.

Nessa nova dinâmica, quem está atuando como Agente de Investimentos no mercado normalmente se questiona:

É POSSÍVEL EQUILIBRAR OS ESFORÇOS ENTRE OPERAR AS CARTEIRAS RECOMENDADAS NA CONTA DE NOSSOS CLIENTES, DE FORMA CONSISTENTE, ENQUANTO SE AUMENTA A CUSTÓDIA DO CAPITAL DE FORMA SUSTENTÁVEL?

Pergunta um tanto quanto complexa, não? Vamos responder em duas partes:

Primeiro. O Papel do Agente de Investimentos no Giro de Carteiras Recomendadas

O Agente de Investimentos é um profissional bastante informado. Com essa mudança no mercado, tendo na renda fixa pouca margem de ganho real, foi promovida maior procura por alocação da carteira de investimentos dos seus clientes em produtos diversificados, como COEs, FIIs e Fundos Multimercado.

Já o investidor, que antes possuía um perfil mais conservador, começou a demonstrar maior interesse por produtos de renda variável.

E é aí que as Carteiras Recomendadas entram com papel de destaque, por serem um produto com risco mais controlado, em regra.

Contudo, sem o suporte de uma grande equipe na mesa de operação, é sempre um problema manter fidelidade à estratégia.

É neste momento que a falta de braços gera falta de aderência à curva: 
Clientes que tem o mesmo giro de carteira realizados entre segunda e quarta, por exemplo, começam a ter uma experiência diferente, com curvas diferentes.
Agente de Investimentos com o telefone observa tranquilamente a cidade no horizonte
Acima disso tudo, ainda existe o trabalho de atendimento, onde destinamos bastante de nossos tempo e energia para falar com nossos clientes

Segundo. O Agente de Investimentos tem Jornada Dupla: além da rotina operacional, é responsável pela Captação

É comum (e todos sabemos) que dentro de nossa equipe, os grandes agentes de investimentos, também desempenham o papel comercial com maestria.

E não poderia ser diferente, captação é core no negócio de assessoria.

Temos, sim, excelentes colaboradores em nossa equipe, pessoas disciplinadas e dedicadas. Mas com o aumento do volume de carteiras recomendadas, precisamos tomar uma decisão: ou aumentar o volume de profissionais especializados em backoffice ou minar o potencial de crescimento.

Portanto, aqui encontramos um teto operacional: 

  • Quanto maior o números de vendas, maior terá que ser o backoffice;
  • Treinar o backoffice demanda tempo, esforço e dinheiro;

Deve-se expandir? Contratar mais? Ou reduzir a quantidade em custódia, para que as operações sejam sustentáveis?

Agente de Investimentos utilizando planilha financeira em um macbook
Planilhas Excel ou Google costumam ser a salvação. Mas será que não se tornam o novo problema?

E a solução, onde se encontra? Trabalhar com Planilhas Excel

Com uma breve pesquisa no Google, é fácil de se encontrar um template adequado para suas necessidades.

Ou ir direto na fonte: naquele Agente de Investimentos que destaca pelo capricho. O cara que já tem uma planilha que mapeia o rebalanceamento dos clientes e já prepara os cálculos.

O ponto é transformar esta solução em algo global, que possa ser utilizado toda a empresa.

Daí só falta consolidar isso em um e-mail, pedir a aprovação da operação com cada um clientes e fazer isso com todo mundo por algum app da Corretora com sistema de push.

Também deve-se considerar a manutenção das fórmulas e o controle sobre as versões… Pois é. Ainda parece ser muito trabalho.

Enfim: as planilhas do Excel não são uma solução sustentável para o longo prazo.

Podemos dizer isso por experiência própria: é como se alimentássemos um monstro embaixo de nossa mesa. Um monstro faminto, que se não for bem cuidado vai nos fazer cometer um erro cedo ou tarde.

O problema é este: o mercado só oferece soluções paliativas. Contudo, nossa necessidade não é organizacional – ela é de performance.

Decidimos unir nossas mentes em torno desta dor: como podemos garantir que as operações das carteiras recomendadas tenham uma melhor performance dentro do escritório e, melhor, que seja uma simples operação?

De 2016 para cá, foram desenvolvidas diversas automações, até que encontramos o que realmente estávamos procurando:

  • algo simples;
  • de interface intuitiva;
  • e com performance confiável.

Daí nasceu o robô SYNC, com sua simples premissa: com poucos cliques, ser capaz de fazer o giro de carteira do investidor.

Com uma breve configuração, ser capaz de realizar esta operação para múltiplos clientes. Multiplicando o poder operacional do Agente de Investimentos.

Tudo instantâneo

Tudo instantâneo é importante para nós. Seja uma carteira customizada, seja fazendo a leitura automática da Carteira Recomendada da XP, por exemplo, o importante é realizar operações que tenham alta aderência à curva proposta. 

Afinal, performance é sinônimo de aderência à curva. 

E o ganho: é mais fácil, é mais simples e dá mais escala para o escritório com a redução do backoffice.

Agente de Investimentos sênior posa para foto com mãos nos bolsos, com terno cinza, camisa azul e gravata de padrão vermelho claro

E os testes?

Agora, com a solução em mãos, é momento de colocá-la à prova.

E foi o que fizemos.

No início de 2019, tivemos a oportunidade de testar a solução com três consagrados escritórios  (G20 da XP Investimentos).

O escopo do teste foi simples: poder medir o quanto o robô SYNC devolvia de capacidade operacional aos escritórios. 

E os resultados se demonstraram mais animadores do que o esperado primeiramente.

Não só fomos capazes de reduzir drasticamente o custo backoffice com o uso do SYNC, como a previsão de aumento de custódia é altamente encorajadora, com a liberação do tempo comercial dos Assessores.

Para não prolongar o assunto – que já está longo – deixamos o material relacionado à este teste disponível gratuitamente para download.

Basta clicar neste link e fazer o download. 

Aliás, gostaríamos de bater um papo sobre esta solução contigo. O que nos diz?

Categorias: Papo AAI

Posts relacionados

Imagem post - Giro Semanal – 19/10/20

Bem-vindos ao Giro Semanal - 19/10/20.

Vamos às últimas notícias da semana.

Leia mais...

Imagem post - TradeMachine: Uma casa de análises quantitativas

Você provavelmente já ouviu falar em casas de análise, também conhecidas como casas de research, empresas independentes que fornecem análises par Leia mais...

Imagem post - Giro Semanal – 13/10 – Ibovespa com forte valorização

Bem vindos ao nosso Giro Semanal - 13/10. Chegou a hora de ficar informado.

Depois de cinco semanas consecutivas de queda, o Leia mais...